As filhas de Leka



Por Maria Luiza Petty, nutricionista

Antes de começar a trabalhar com transtornos alimentares (TA) eu tinha a sensação de que era ótimo a mídia divulgar pessoas ou personagens com doenças complicadas e pouco conhecidas como a bulimia e a anorexia nervosa, pois isso poderia contribuir para que aqueles que têm o quadro percebessem sua gravidade e buscassem ajuda e tratamento.



Infelizmente, já faz mais de 6 anos que atuo nesta área e só o que eu vi foi o contrário: pessoas que conheceram a bulimia por meio da TV. Uma das minhas primeiras pacientes do AMBULIM (Programa de Transtornos Alimentares do Instituto de Psiquiatria do HCFMUSP) descobriu que havia uma maneira, aparentemente inofensiva, de emagrecer colocando tudo o que comia pra fora a partir da personagem Gisele, da novela da Globo, Páginas da Vida.


Esta semana, novas pacientes iniciaram o tratamento e, ao investigar a história do quadro de bulimia de uma delas, eis que surge o caso da Leka. Leka foi uma participante do primeiro programa Big Brother Brasil, em 2002. Como ela esteve enclausurada e vigiada por dias e mais dias, foi impossível esconder os episódios bulímicos de compulsão alimentar seguidos de vômito.


Em 2002, Rosemeire*, minha nova paciente, chegou em São Paulo vinda do nordeste, com muitos sonhos e desejos. Dentre eles, o desejo de ser atraente e arrumar um marido. Leka, por outro lado, mostrava às brasileiras uma possível maneira de controlar o peso, garantindo beleza e fama.



Por que não seguir os caminhos de Leka então?



Não sabemos se hoje Leka é feliz, bem sucedida e saudável. Famosa, que eu saiba, não é. Porém, mais de 10 anos depois da aparição de Leka na TV, infelizmente ainda existem mulheres sofrendo por terem conhecido a bulimia nervosa no Big Brother Brasil 2002.



A culpa não é da Leka! Mas parece que mostrar casos de TA associados a pessoas famosas ou personagens belos e magros é mais uma forma de apresentar uma maneira de alcançar a magreza do que de afastar as pessoas dos riscos associados a ela. Deixo esta reflexão.
 
* Rosimeire é um nome fictício

Autor Redação Genta

Equipe de Redação do Genta

Acompanhe todas as novidades do Genta e ainda ganhe gratuítamente dicas de saúde semanalmente por e-mail

Assinar agora

2018 ® Genta - Grupo Especializado em Nutrição e Transtornos Alimentares