Seja mais, seja você!


Por Ester Soares Paulino, nutricionista

?Graças ao retoque, nossos leitores nunca viram o lado horroroso e faminto da magreza. Essas garotas abaixo do peso não pareciam glamurosas em carne e osso. Seus corpos esqueléticos, cabelo fino e amorfo, pontos e círculos escuros debaixo dos olhos ? tudo sumia magicamente com tecnologia, deixando somente a fascinação dos membros vívidos e dos olhos de Bambi?.(Learh Hardy, ex editora da Cosmopolitan)

Li este texto aqui. Poderia pensar em um Photoshop inverso (?!), mas a realidade é mais dura. Está mais para Frankenstein. A criatura, tal como a lenda, saiu do controle do criador.

Causa estranhamento, mas não é novidade que com o objetivo de alterar a aparência física, as campanhas publicitárias têm construído criaturas cada vez mais irreais. O problema (um deles), é que na tentativa de alcançar padrões inexistentes muitas pessoas estão errando feio a mão. E aí, o que nos assusta algumas vezes, pode acreditar, é pior do que imaginamos.

Refletindo sobre o texto do primeiro parágrafo, me pergunto: quem vendeu a ideia que mulheres cadáveres com costelas salientes, de biquini, postando frases do tipo: ?Bora levantar a bunda, bora malhar?, poderiam ser sinal de sucesso? Pois é! Ficou tão feio que é preciso mascarar. Pois aqueles olhares tristes e cabelos quebradiços, peles envelhecidas prematuramente, muitas vezes cobertas com pelos (lanugo), num sinal claro de desespero do corpo para sobreviver, estão transformando toda uma geração.

A patrulha contra a diversidade (gordo X magro/ cabelo liso X cabelo crespo...) deve sempre ser olhada com espanto. A Patrulha fique bem claro.

Enfim, o que me chamou atenção e me fez refletir foi que mais uma vez estamos diante das graves consequências que as alterações provocadas pelo Photoshop vêm provocando: um filme de terror!

Autor Redação Genta

Equipe de Redação do Genta

Acompanhe todas as novidades do Genta e ainda ganhe gratuítamente dicas de saúde semanalmente por e-mail

Assinar agora

2017 ® Genta - Grupo Especializado em Nutrição e Transtornos Alimentares