Desmistificando a busca pela ajuda de um nutricionista


Por Marluce Nóbrega, nutricionista


Você se sente por algum motivo paralisado quando pensa em se consultar com um nutricionista? Caso você queira mesmo buscar ajuda para cuidar de alguma forma da sua alimentação e saúde eu vou te aproximar dessa sua vontade. Quero comentar aqui sobre 3 aspectos.


Muita gente quer melhorar a alimentação em algum ponto, porém quando começa a refletir já desiste sem antes iniciar o processo. Bom, começar necessita mudar algo e você precisa, antes de tudo, querer mudar e não só querer o resultado final. Portanto, terá que sair da sua zona de conforto ao menos um pouquinho. Não, a sua alimentação não precisa de forma alguma mudar totalmente. Não, você não precisa mudar de um dia para outro. Seguem alguns exemplos, não generalizados, que já são sim sair da sua zona de conforto: acordar 15 minutos antes para tomar um café da manhã sentado à mesa; pausar um pouco de tarde para fazer um lanche; começar a comprar frutas para a sua semana e por alguns minutos ter que focar o seu tempo em lavar, higienizar e armazená-las. Portanto, precisamos querer mudar e darmos passos graduais sem pressa, mas caminhar rumo aos nossos objetivos respeitando a nossa individualidade e a nossa saúde.


É bastante comum eu escutar de novos pacientes que há tempos querem vir em consulta, mas vinham se preparando psicologicamente porque acreditavam que teriam que parar de comer tudo o que gostam. Será? Não! Um segundo aspecto que literalmente distancia muitas pessoas de buscarem ajuda é o acreditar que a partir do momento que forem em consulta com nutricionista todo o cardápio de alimentos prazerosos irá ficar fora da sua vida. Não, isso não precisa e não pode acontecer. O papel do nutricionista não é promover o terrorismo nutricional. O nosso papel é te ajudar a comer melhor, sim. É também te ajudar a ter uma boa relação com a sua comida. Você ama pão? Você ama doce? Você torce o nariz para os vegetais? Pois bem, vamos te ajudar a entender o papel na sua vida desses alimentos que você ama ou não. Melhorar a sua alimentação como um todo te permite comer de tudo. Isso mesmo, de tudo! Salvo situações específicas como um problema de saúde diagnosticado como uma doença renal grave ou alergia, ou intolerância alimentar, como uma doença celíaca. O papel do nutricionista é orientar o paciente a se cuidar buscando alternativas na alimentação com responsabilidade, prazer e sem neura.


Uma observação muito importante que tenho a fazer é que todos nós somos bombardeados o tempo todo com informações sobre alimentação, saúde e nutrição por profissionais da área da saúde, ou não, e precisamos refletir sobre a qualidade destas e sobre as suas explicações. Precisamos questionar se a informação se encaixa na nossa vida, se é sustentável a longo prazo, se prejudica a nossa convivência social, se é mesmo a melhor forma para atingir o nosso objetivo e principalmente se pode nos causar danos à nossa saúde. Reflita sempre com crítica.


E outro obstáculo na busca de ajuda profissional para a melhora da alimentação é acreditar que precisa ser um cuidado de alto custo. Não, você não precisa gastar ?rios? de dinheiro comprando alimentos importados e todos orgânicos para se cuidar. Quando simplificamos facilitamos. Simplificar, como?  Vou exemplificar te estimulando a deixar a sua geladeira e cozinha mais colorida com alimentos frescos. Inclua mais vegetais na sua vida. Os vegetais da safra da estação são mais suculentos e mais acessíveis.   


Você está decidido a buscar ajuda? Pesquise um pouco sobre o profissional e conheça o trabalho dele.


Cuidar da gente é para ser uma caminhada leve. O que você estiver pronto para fazer, ou investir, será um início do seu cuidado da sua saúde como um todo.


Espero tê-lo ajudado a deixar para trás algumas crenças sobre a busca de ajuda com um profissional nutricionista. Estou contigo rumo a nos cuidarmos de forma gentil, com respeito e prazer! Vamos lá?

Autor Ana Carolina

Acompanhe todas as novidades do Genta e ainda ganhe gratuítamente dicas de saúde semanalmente por e-mail

Assinar agora

2018 ® Genta - Grupo Especializado em Nutrição e Transtornos Alimentares